Go back
26 June 2013 20h57

Banif concretiza aumento de capital de 100 milhões de euros

O Banif anunciou esta quarta-feira que concretizou uma parte do aumento de capital de 450 milhões de euros que está previsto no plano de recuperação do banco e que os accionistas aprovaram na assembleia geral realizada ontem, 25 de Junho.
 
De acordo com o comunicado do Banif enviado à CMVM, foi hoje realizado um aumento de capital de 100 milhões de euros, por novas entradas em dinheiro, através de “colocação privada de acções em accionistas de referência”, que o banco não identifica.
 
Estes accionistas pagaram 0,01 euros por cada uma das 10 mil milhões de novas acções emitidas, que elevaram o capital social do Banif para 1,37 mil milhões de euros.
 
O Banif terá ainda de angariar 350 milhões de euros para completar o plano de encaixar 450 milhões de euros com aumentos de capital junto de accionistas privados. O dinheiro que o banco irá angariar tem já um destino. Servirá para reembolsar parte da ajuda estatal recebida o ano passado.
 
O Estado injectou um total de 1.100 milhões de euros no banco, 400 milhões de euros através de instrumentos de capital contingente ("CoCos") e os restantes 700 milhões através da subscrição de acções.
 
Actualmente o Tesouro português detém mais de 99% do banco, uma participação que será reduzida para 60% após o aumento de capital aprovado esta terça-feira pelos accionistas do Banif.
 
O Negócios noticiou no último dia 11 de Junho que o Banif estava a negociar o reforço de capital com um banco sul-americano, que deveria colocar cerca de metade dos 450 milhões de euros do aumento de capital. Além do banco sul-americano – que, confirmou o Negócios, não é brasileiro nem venezuelano –, o Banif manterá contactos com outras instituições. A ideia é estabelecer uma parceria apenas com um destes interlocutores, mas enquanto não houver um acordo fechado o grupo quer manter várias alternativas em aberto, tendo em vista garantir o sucesso do aumento de capital.