Go back
28 June 2013 12h34

Honório Novo: Governo está a colocar o país num "caminho da auto-destruição"

“Os números [divulgados pelo INE] são absolutamente demolidores”, considerou esta sexta-feira Honório Novo. O défice dos primeiros três meses do ano “é de 4.167 milhões de euros que é praticamente metade do que está previsto para o ano todo”.
 
O Instituto Nacional de Estatística (INE) revelou esta sexta-feira que o défice orçamental do primeiro trimestre foi de 10,6% do produto interno bruto (PIB), já contabilizando os 700 milhões de euros que o Estado injectou no Banif através da subscrição de acções. Excluindo esta operação o défice ficou nos 8,8%.
 
Honório Novo realçou que o défice de 10,8% “é o maior desde que entrou a troika” em Portugal. “A situação em vez de estar a melhorar está sucessivamente a agravar-se.”
 
Mesmo sem Banif, o défice ficou nos “8,8% acima 0,9 pontos percentuais do défice verificado no ano passado, e esse valor é ele próprio o maior dos défices orçamentais desde que a troika entrou” no país, sublinhou.
 
“O Governo tem de perceber que não há volta a dar. Este caminho é o caminho da auto-destruição, que tem de ser travado o quanto antes.”
 
Honório Novo deixou ainda um apelo ao Presidente da República. “O próprio Presidente da República tem de entender que este caminho é sem retorno e que tem de ser travado.”