Go back
24 April 2013 13h05

Lucros da Ford excedem estimativas para o primeiro trimestre

A Ford apresentou um resultado líquido na ordem dos 1,6 mil milhões de dólares (1,22 mil milhões de euros), de acordo com um comunicado distribuído na sua sede em Dearborn, Michigan, e citado pela Bloomberg.
 
Excluindo os itens extraordinários, o lucro por acção foi de 41 cêntimos de dólar (31 cêntimos de euro). Estes são resultados que superam a estimativa da Bloomberg, recolhida a 17 analistas, que indicava lucros de 37 cêntimos de dólar por acção.
 
O novo modelo, Fusion, que foi concebido em comparação ao design da Aston Martin, faz parte dos esforços do CEO da empresa, Alan Mulally (na foto), para lançar no mercado carros mais competitivos a complementar as novas linhas de “pickups” e carros desportivos.
 
A oferta de novos veículos permitiu à Ford um lucro recorde na América do Norte, na ordem dos 2,4 mil milhões de dólares, num trimestre, e compensou a queda verificada na Europa e América do Sul.
 
“As carrinhas continuam a conduzir as receitas e a margem operacional”, ainda que “o Fusion com certeza não vai ferir” os números da empresa, considera Kevin Tynan, analista, em declarações à Bloomberg.
 
Na Europa, a Ford iniciou uma restruturação para pôr fim às perdas. A fabricante de automóveis planeia encerrar três das suas fábricas europeias até 2014, medida que poderá representar uma poupança de 500 milhões de dólares (383 milhões de euros) por ano.