Go back
25 June 2013 09h11

Metro do Porto e STCP sob pressão para afastar quadros ligados aos swaps

Já foi identificado o caso de um ex-administrador da operadora pública de autocarros que hoje está na direcção de planeamento do metropolitano, mas pode haver mais, segundo a mesma publicação.
 
As transportadoras estão a analisar o impacto das orientações aprovadas recentemente em conselho de ministros que impõem o afastamento de trabalhadores que tenham estado envolvidos na subscrição dos swaps especulativos.
 
A Metro do Porto e a STCP dizem que apesar “de não haver nenhuma decisão tomada”, “estão a analisar os termos de toda a abrangência do que foi aprovado em conselho de ministros”, segundo a mesma fonte.