Notícias

Economistas melhoram estimativas para a economia de Portugal

19 jun 2017| 08h52 |Fonte: Jornal de Negócios
O produto interno bruto (PIB) de Portugal deverá crescer uma média de 2,1% este ano, segundo as previsões de 20 economistas consultados pela Bloomberg. O último inquérito realizado pela agência de informação americana apontava para uma estimativa média de 1,5%. A confirmar-se, este será o maior ritmo de crescimento da economia nacional desde que a Bloomberg começou a compilar os dados das previsões dos economistas.  Mas não foi apenas as estimativas para o acumulado deste ano que foram revistas em alta. Para 2018, a média das estimativas aponta para um crescimento de 1,5%, quando a anterior era de 1,3%, e para 2019 1,3%, quando a anterior era de 1,1%. O inquérito aos economistas foi realizado entre os dias 9 e 16 de Junho. No que toca ao segundo trimestre do ano, a média das previsões aponta para que a economia cresça 2,9%, em termos homólogos, e 0,3% em cadeia.
 
Têm sido vários os economistas a reverem em alta as suas estimativas para a economia nacional, depois de os números do primeiro trimestre terem superado as estimativas. Na semana passada foi a vez do BPI, que elevou para 2,5% a sua previsão para este ano, e o Barclays, que estima que o PIB cresça2,9%.

O Montepio, vê o PIB de Portugal a crescer 2,5% este ano. Já a Unidade Técnica de Apoio Orçamental (UTAO) estima que, se o crescimento económico dos próximos trimestres for em linha com o projectado pelo Governo do Programa de Estabilidade, o PIB vai crescer 2,5% este ano. Já o ISEG vê a economia a crescer entre 2,4% e 2,8% em 2017.
 
O Fórum para a Competitividade também melhorou a sua estimativa, apontando para uma previsão de crescimento entre 2,4% e 2,8%. 
 
O Presidente da República também já avançou que a economia pode crescer 3,2% este ano. As previsões oficiais do Governo apontam para um crescimento económico de 1,8%, mas Mário Centeno já admitiu que poderá ficar acima de 2%.
 
Se vier a crescer mais de 2,5%, a economia portuguesa terá o melhor registo anual desde 2000.