Voltar
28 julho 2023 11h54

Exportações em queda pela primeira vez desde final de 2020

As exportações portuguesas diminuíram 5,2%, em termos nominais, no 2.º trimestre de 2023 em relação a igual período do ano passado. Também as importações registaram uma diminuição de 6,2%, de acordo com a estimativa rápida divulgada esta sexta-feira pelo Instituto Nacional de Estatística (INE).

Já desde o quarto trimestre de 2020, no caso das exportações, e o primeiro trimestre de 2021, nas importações, que não se verificavam variações homólogas trimestrais negativas nas transações de bens. Nas últimas vezes em que as transações registaram variações negativas, esses valores foram "ambos fortemente afetados pela crise pandémica", ressalva o INE.

De acordo com o instituto, "este decréscimo surge após um abrandamento do crescimento das transações de bens, que se verificava desde o 3.º trimestre de 2022".

Recorde-se que no primeiro trimestre de 2023, as exportações de bens registaram uma taxa de variação homóloga de 13,0% e as importações também registaram uma variação positiva de 8,9%.