Voltar
19 abril 2013 21h19

Prisa propõe dobro do dividendo sugerido por Pais do Amaral na Media Capital

A Prisa quer obter mais dividendos da sua participada Media Capital. Para isso, a empresa espanhola fez uma proposta para mais do que duplicar o dividendo sugerido pelo conselho de administração da dona da TVI.
 
A Vertix, “holding” detida pelos espanhóis da Prisa e que controla 94,69% da Media Capital, lançou uma proposta para ser decidida em assembleia-geral de accionistas, a realizar-se a 29 de Abril, diferente da avançada pelo conselho liderado por Pais do Amaral (na foto).
 
A proposta da Prisa, indicada em comunicado enviado através da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), é a de distribuir um dividendo bruto de 13,4 cêntimos por acção (ainda sujeito a tributação), o que representa uma importância equivalente a 95% do resultado líquido consolidado que a Media Capital contava no final de 2012, ou seja, 10,2 milhões de euros.
 
O conselho de administração da Media Capital, liderado por Pais do Amaral (que se mantém como presidente apesar de, em Fevereiro, ter deixado de ser accionista da empresa) e pela administradora delegada Rosa Cullell, tinha avançado com a intenção de distribuir um dividendo bruto de 6,4 cêntimos (ainda sujeito a tributação), que corresponde a 45% do resultado líquido consolidado de 2012, no valor de 5,4 milhões de euros.
 
Os restantes 5%, além dos 95% em dividendos, têm de ser transferidos para o reforço da reserva legal. A proposta de Pais do Amaral, além destes 5%, previa que o remanescente (6,5 milhões de euros) fosse transferido para reservas livres, o que deixa de constar da proposta da Vertix, da sociedade presidida por Juan Luis Cébrian.
 
A proposta inicial de distribuição de dividendos, a do conselho de administração, tinha como “objectivo ir ao encontro das expectativas criadas junto dos investidores e accionistas, sem contudo descurar a preocupação em manter o Grupo Media Capital dotado de liquidez necessária à continuidade de negócio, tendo em consideração a actual conjuntura económica”.
 
Prisa pode receber 10,7 milhões de euros
 
Com a proposta da sua maior accionista, grande parte dos dividendos a serem distribuídos pela Media Capital são entregues a essa mesma accionista, já que a sua sociedade Vertix é dona de 94,69% da empresa que detém a TVI.
 
Juntando a participação que a Vertix tinha em Dezembro com os 10% da Media Capital que recebeu, em Fevereiro, da PortQuay, de Pais do Amaral, a Vertix acumula 80 milhões de acções da empresa dona da produtora Plural e de rádios como a Comercial ou M80.
 
Com um dividendo bruto de 6,4 cêntimos, a Vertix iria auferir 5,1 milhões de euros. Já com a proposta de 13,4 cêntimos, o valor bruto sobe para 10,7 milhões de euros.
 
Há ainda uma participação de 5,05% da Media Capital que está na posse da Caixa de Aforros da Galiza, Vigo, Ourense e Pontevedra, que poderá dar lugar a uma remuneração de 572 mil euros, caso a proposta da Vertix seja aceite pelos accionistas. Os restantes 0,26% da Media Capital estão dispersos em bolsa.